Translate

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Órgão do Mar (Morske orgulje em Croata)


Sea Organ, (Morske orgulje em Croata)  ou Órgão do Mar que é dirigido  (como uma espécie de bomba de ar submarina ) através do mar e das ondas, localizado na parte oeste do cais, perto do poente do sol.
Parte do cais, onde a “saudação ao Sol”, o Órgão do Mar, foi um projeto do Engenheiro Nikola Basić e dos co-autores Eng. Ivica Stamać (som), Prof. e Dr.
Vladimir Andročec (hidráulica) e do estúdio Heferer (projeto sonoro músical).
Na primeira fase de modernização da parte ocidental da Península, o arquiteto Nikola Basić desenvolveu o projeto que  foi chamado de  órgão na marinha que faz parte da parede do cais abaixo.
Na Riva (chamado aqui como local de passeio e contidos por café-bares) é na parte ocidental, em forma de cascata com um comprimento de 75 metros. Cada seqüência tem alguns tubos internos à beira-mar de diferentes diâmetros a ser influenciados por diferentes "emissões” de sons diferentes. Foi aberto ao público em 15 de abril de 2005.
Atelier de Órgãos "Heferer" observou que os tubos (slots de sons que se articulam), temendo a corrosão, que poderia principalmente danificar os sons emitidos,  o primeiro pensamento foram utilizados por tubos de aço de poletileno (como material sugestionável) mas termicamente não é adequado porque mudaria os sons dos LABIUMS (LABIUMS = apitos), então o Eng.Goran Ježina propos por tubo de aço de inox  que assim poderia ser controlado e processado com mais precisão, tornando-se um instrumento de sopro de grande porte.
O músico Ivica Stamać  que fez o arranjamento dos sete conjuntos de duas cordas de modo principais (G e C6) com escadas alternativas. A gama de acordes e tons foram construídos pelo coral de música.
O trabalho de reconstrução da orla foi realizada em uma tentativa de reparar Zadar da devastação sofrida na Segunda Guerra Mundial que fez grande parte da costa em uma parede monótona e contínua de concreto.  Órgão do Mar  tem atraído moradores e turistas.  Em 2006, foi galardoado com o prémio ex-aequo da quarta edição do Prémio Europeu de Espaço Público Urbano.